Feeds Tubaronenses favoritos #1

Eaí seus massa, como vai a família? E os amigos? E o amor?

Voltando nessa onda de sempre divulgar e enaltecer a arte da minha belíssima cidade, hoje resolvi repassar pra vocês alguns feeds do insta que eu curto e acompanho sempre. Sou daquelas que adora olhar a harmonia das fotos, as cores, a qualidade, e acabo adotando algumas medidas pra mim.

O primeiro feed é bastante curioso, por que na própria bio dela informa que todas as fotos são em preto e branco, sim, todas. Não importa se é selfie, paisagem, amigos ou coisas, todas as fotos são em PB. E o mais curioso é que tudo fica bonito e harmonioso, não sei se essa ariana arretada organiza as fotos, mas tudo fica muito lindo!

Insta: @isadorazalmeida

 

 

 

 

 

 

O segundo feed fica por conta de um garoto que recentemente tem me despertado a atenção pela qualidade das fotos, o estilo delas e toda sensação de paz e tranquilidade que elas me trazem. O Jonatan vocês já devem conhecer do Canal Madness (se não conhece vai ver viados). Ele traz algumas fotos de paisagens, “selfies” muito bem elaboradas, animais, dentre outros.

Instagram: @jonatan.ma

 

 

 

Continue Reading

Recarregar, reinventar, reabastecer

Combustível na reserva
Troco a erva do chimarrão
Não tá morto quem peleia, tchê
Game over ainda não

Já teve algum momento da sua vida que você parou, olhou no espelho, no fundo dos seus olhos e pensou: Mas que porra eu tô fazendo da minha vida?
A gente tá tão acostumado com tantas coisas do nosso dia a dia, são naturais, vai que vai. Mas por que fazemos isso? Isso lhe dá prazer? Será que a gente já não está acomodado demais?

Esses dias me olhei no espelho e tive a mesma sensação, mas não bastando isso a vida me deu uns vrá na cara, que eu parei e pensei “epa, algo de errado não tá certo”. Tanta coisa que fazia foi tomando uma proporção gigante, que eu nem percebi. Sabe quando tu faz tanta, mas tanta coisa, que nada vai pra frente? Arruma de um lado, capenga de outro, ajeita uma ponta aqui e outra se solta dali.

Neste exato momento que a sensação de Marinete de “A diarista” bateu na minha cabeça e eu percebi que precisava de um exame de consciência. Parece coisa da catequese, mas todo ser humano deveria ter esse momento. Comecei a mudar pequenas coisas, pequenas atitudes, e percebi que tiveram um efeito mais vrá que eu imaginava.
Iniciei com uma pequena mudança alisando o cabelo, e recebi alguns elogios “nossa como tu tais diferente Iza!”. Mas migos, eu só alisei o cabelo… Na semana seguinte veio o baque maior, vou pintar. Me tornei ruiva. Como se não bastasse fui ao salão fazer as unhas dos pés e das mãos, toda garota.

Depois dessas pequenas coisas que fiz, comecei a perceber a importância das coisas de repente mudarem, assim, sem mais nem menos. Se re-organizar, se ajustar, definir novas metas pra sua vida, e ver o que você precisa fazer pra alcançar elas.

Ás vezes nossa vida tá tão bagunçada e cheia de turbulências que a gente nem sabe por onde começar, comecei a minha limpando um guarda roupa, até pintando o cabelo. Vou contar pra vocês, tenho me sentido melhor, e depois disso, muitas coisas vieram mudando ao meu redor também.

Não tenham medo de mudanças, sair da tão adorada zona de conforto, aproveita por que a vida é só uma te joga na mudança. Pinta o cabelo, se não der certo, você pinta pra cor antiga, começa um curso, se não der certo você para e analisa “realmente aquilo não era pra mim”, vamos nos arriscar mais, sair do e se, e se, e se. Quando pensamos demais, acaba que não saímos do lugar.

Faça as coisas por impulso, por emoção, depois tu olha pra trás e vê as merda que deu. Mas se te dá na veneta de fazer algo, vai, não pensa.

Recarregar é a palavra de agora, reinventar, ser uma nova lagarta pra sair do casulo de novo. Todos os dias nós ganhamos uma chance nova de fazer diferente nossas vidas, então por que não fazer?

Continue Reading

Conheça o som de Plano dos alces

Vocês já conheceram uma banda e sentiram lá no fundo do coração que deviam contar da existência dela pro mundo todo? Na última semana eu conheci o som do César, um companheiro de trabalho e marido da Sara (êta casal bonito viu?) e fiquei impressionada com a voz do bicho.

Gosto de músicas numa pegada mais folk, ou calma, já que não sou boa o suficiente pra classificar os estilos musicais, sabe aquelas músicas que te acalma? Que são boas pra viajar? É mais ou menos por ai. Desde então, vim ouvindo o CD da banda disponível lá no Spotify e também o som autoral dele lá no Youtube.

Já fiquei meio WOW com o som e resolvi iniciar a minha volta no blog mostrando essa beleza pra vocês. A galera é daqui de Tubarão, e o álbum se trata da história de um viajante e cada faixa do disco fala de uma história do mesmo, olha que bacana!

Agora chega de falar e vão conhecer e botar essa beleza na playlist de vocês também!

Facebook Instagram Twitter Youtube

Continue Reading

O DIA EM QUE FUI DIÁRIO

Vou confessar pra você que ás vezes não sei o que faço na área da Tecnologia sabe? Há algumas semanas atrás vi uma postagem super interessante em uma página no Facebook, onde dizia para que fossemos o diário de alguém. Só seria necessário deixar o número de telefone, ou então você mesmo adicionava a pessoa aos contatos e enviava uma pequena mensagem como “Sou seu diário, pode confiar. Me dá o nome que quiser, e lembra que não nos conhecemos. Então sinta-se a vontade para me contar tudo! Não te julgarei e apenas responderei se me pedir.

Não vou mentir, sempre tive um lado meio psicóloga para as outras pessoas, por que quando se trata de mim sou bem uó, logo me prontifiquei na postagem a ser o diário de alguém e catei o número de algumas meninas que vi pela frente e enviei a pequena mensagem. Fiquei extremamente feliz de ser útil para essas pessoas nas quais salvei nos meus contatos do telefone.

Acredito que gestos pequenos como esse podem salvar pessoas, ás vezes no nosso dia a dia só precisamos que um estranho, uma pessoa qualquer, pare e diga: desabafa, o que te aflige nesse dia? Por que nenhum ser humano aguenta muito tempo ficar com as mágoas presas na garganta. E por inconveniência da vida, o seu melhor amigo, o seu namorado, ou outra pessoa não estão disponíveis. Não por não se importarem com você, ás vezes podem estar trabalhando, executando suas tarefas diárias.

Gosto de me sentir útil, gosto de aconselhar as pessoas mesmo que ás vezes o que eu tenho a dizer não é algo tão válido e proveitoso quanto eu pensava que seria. Mas a satisfação de saber que eu posso ter salvo o coração de alguém, só deixando a pessoa desabafar comigo me alegra, por que ás vezes tudo o que eu quero é poder conversar, mas e quem tá lá disponível? Façam esse pequeno gesto, dedique um tempo do seu dia a ouvir e aconselhar os pobres corações despedaçados, faça pelo outro o que gostaria que fizessem por você!

Bom, caso você se sentir aflito, magoado, confuso, saiba que eu estarei lá caso você precisar! Vocês sabem onde me achar (página do facebook, facebook pessoal e outros afins) e estou sempre disposta a ajudar aqueles que precisam. E é com isso que encerro minha noite dizendo que: ganhei mais dois pacientes, mais dois corações a serem curados.

Continue Reading

Desista dessas 13 coisas, se quiser ser bem sucedido:

Recentemente me aprofundei em alguns treinamentos de desenvolvimento pessoal, treinamentos para o sucesso mesmo, independente da sua área de atuação, pois muitas vezes desenvolvemos nossos corpos, nossas capacidades nas áreas da vida, mas esquecemos de desenvolver nossas mentes. 

1.Desista do estilo de vida não saudável

“Tenha cuidado com seu corpo. É o único lugar onde você tem que viver.”- Jim Rohn

Se você quer alcançar qualquer coisa na vida, tudo começa aqui. Primeiro, você tem que cuidar de sua saúde, e há apenas duas coisas que precisa manter em mente:
  • Dieta saudável
  • Atividade física
São passos pequenos, mas você vai agradecer a si mesmo por eles um dia.
2.Desista da mentalidade de curto prazo
“Você só vive uma vez, mas se viver direito, uma vez é suficiente.” – Mae West
 Pessoas bem-sucedidas estabelecem metas de longo prazo e sabem que esses objetivos são meramente o resultado de hábitos de curto prazo que precisam ter todos os dias.
Estes hábitos saudáveis ​​não devem ser algo que você faz; devem ser algo que você encarna.
Há uma diferença entre: “Se exercitar para ficar com um corpo legal para o verão” e “Se exercitar porque é quem você é.”
3.Desista de jogar pequeno
“Sua pequena jogada não serve ao mundo. Não há nada iluminado sobre encolher-se para que outras pessoas não se sintam inseguras ao seu redor. Todos nós devemos brilhar, como as crianças. A luz não está apenas em alguns de nós; está em todos, e quando deixamos nossa luz brilhar, inconscientemente damos permissão a outros para fazerem o mesmo. À medida que nos libertamos do nosso medo, nossa presença automaticamente liberta os outros.” – Marianne Williamson
Se você nunca tentar ou permitir que seus sonhos se tornem realidades, nunca vai liberar seu verdadeiro potencial.
E o mundo nunca se beneficiará com o que você poderia ter alcançado.
Então, dê voz a suas ideias, não tenha medo de falhar, e certamente não tenha medo de ter sucesso. 
Continue Reading

CADÊ A CAPIVARA?

Gente vocês ainda lembram de mim é? Pois é manas, dei uma sumida monstra, sem dó nem piedade desapareci igual um gasparzinho assim, mas senta aí que eu vou te contar rapidinho o que aconteceu.

Acabei me dedicando a minha saúde mental e física, onde ambas estavam extremamente desgastadas, ou seja, eu precisava de um tempinho pra mim. Pra ver uma Netflix, pra me exercitar e ver pessoas diferentes. Também estava meio que sem ideias do que reproduzir aqui e no canal, e ambos trabalhos sempre botei na cabeça que só faria enquanto tivesse pauta e não pra encher linguiça. 

Gosto de falar de coisas que sei, que aprendi e venho aprendendo conforme o tempo, só que deixei o meu lado Izabela um pouquinho de lado, eis que a fênix ressurgiu.

Venho vivenciando umas coisas bacanas que quero trazer pra vocês a partir de agora, e mostrar um pouquinho mais da minha intimidade. Então a quem esperou ou quem tava com saudade: cheguei chegando bagunçando a zona toda!

Nos vemos com mais frequência na semana que vem, segura!

Facebook Instagram Twitter Youtube

Continue Reading

preconceito, pré conceito

1. qualquer opinião ou sentimento concebido sem exame crítico.
2. sentimento hostil, assumido em consequência da generalização apressada de uma experiência pessoal ou imposta pelo meio; intolerância.”
 
O preconceito, ou pré conceito, é característico de algo que não conhecemos ou que não estamos acostumados a ver. É fato que existem alguns padrões na sociedade, e que a quebra desses tabus em alguns momentos é chocante para muitas pessoas, imagine só, você é acostumado e acreditar que o céu é azul e de repente alguém te diz: estudos comprovam que o céu é rosa. Imagina a quebra de crenças e outras polêmicas que isso iria gerar? Não meus caros, pra evitar uma badernada, vamos manter isso em off.
Há uns 8 ou 9 anos, minha mãe tinha uma amiga que era costureira e trabalhava com isso em um tempo da sua vida, ela já tinha ‘o corpo ideal’, mas tudo era meio monótono sabe? “Senta aqui que vou te falar de um milagre”, “Então pessoal, vocês fazem isso e isso, e vão obter isso” Que coisa chata! Alguém me tira daqui! Comida em pó? Líquida? Como isso sustenta gente? Tenho horror a isso! (e nem tinha provado)
 
Como pode! Vocês são loucos! Fizeram uma lavagem cerebral com a mulher! Ficou doida por dar comida em pó pros filhos! Veja só, deixa faltar isso, mas o shake na mesa não falta! E assim eu fui durante muitos anos.
Um dia, uma amiga depois de nosso curso de menor aprendiz me disse “vamos num espaço de vida saudável? o shake deles lá é tão bom!” imaginei que deveria ser algo igual ao Bobs, como toda gordinha, fui. E não era a miséria da Herbalife atacando na minha vida novamente? Mas fui, tomei os chás, o shake e que por sinal, depois de anos falando mal: caralh* que coisa gostosa!
Aproximadamente um mês depois, uma outra conhecida chamou minha amiga na época e disse: vamos no fit camp, vocês vão gostar. E como toda Ariana curiosa, eu fui, e adivinhem o que eu li na parede? Herbalife Nutrition, ah tá de sacanagem com isso né? Mas vamos sentar e ouvir.
Quando cheguei pra treinar, ouvia uma galera gritando a doidamente, música alta, pop, rock, FUNK! E lá fui eu fazer o treino, e quando meu corpo gritava para, já chega alguém veio do meu lado e disse: não desiste, tu consegue! Ao som de tropa de elite do Tihuana, aquilo fez eu me arrepiar.
E eu voltei lá, uma, duas, três vezes, e olha só quem mais falava mal da Herbalife perdeu 6 kilos! Meses depois voltei a estudar, não me alimentar bem e ai as consequências vieram: gastrite, rinite, estress, cansaço e tudo o que vocês podem imaginar de ruim com o corpo de alguém de 17/18 anos.
No final de 2016, olhando pra essa minha pancinha eu disse: 2017 vai, e pulei a primeira onda de 2017.
É engraçado lembrar, que a mente de alguém que antes era tão fechada pra esse mundo, se abriu como uma flor desabrocha na primavera, vamos ver o que você tem a me dizer pensei comigo mesma, e deixei com que as pessoas falassem seus resultados, deixei com que as pessoas me encantassem,e elas conseguiram. Sabe aquela frase do pequeno príncipe não julgue todas as rosas por que uma te espetou ? Exatamente assim.
Não julgue algo ou alguém que você conheceu a anos atrás, nunca mais teve contato com a pessoa e ainda acha que ela é a mesma. Me faz um grande favor? Expande tua mente, para de ler coisas do Google e vá você fazer o famigerado test drive, se dê a oportunidade de conhecer e fazer uma experiência pra ai sim podermos conversar! Não me venhas com ‘o fulano disse’ ‘eu li na internet’ sem sequer ter se dado a oportunidade de conhecer e falar mal pela SUA experiência.
O preconceito não está somente atrelado a raça, gênero ou religião, e sim qualquer conceito prévio que você tenha de algo ou alguém, sem conhecer isto a fundo, sem buscar informações concretas, argumentos válidos que você pode utilizar em uma discussão.
 
 

Facebook Instagram Twitter Youtube

Continue Reading

NÃO SE APEGA NÃO GAROTA!

Se você minha cara colega que tá lendo isso, recentemente tomou um toco do boyzinho/crush e tá achando que ele era o único homem da sua vida, meu amor tu tens que ler esse livro!

Sabe quando você precisa desapegar de algumas coisas que não te fazem bem, mas você não sabe como dar um ponto final em tudo? É isso que a autora explica, que ás vezes nos baseamos em sentimentos felizes do passado e não terminamos um relacionamento acreditando que eles irão voltar.

E não só a dar um basta nesse conto de fadas de mentira, também a como simplesmente guardar tudo de bom que aconteceu mas que coisas vem e vão e que precisamos deixar espaço para outras pessoas, ideias, momentos, que podem ser muito melhores, a vir.

Sem rancor e também sem amor, simplesmente deixar as coisas livres, não se agarrar a sentimentos ou a pessoas que prometem mudança e não fazem nada ou então que simplesmente não se importam com o desejo pessoal do parceiro e sim somente com o seu. A você se amar mais, confiar mais em si própria e ser uma mulher de sucesso, a se bastar. Não procurar no outro o que você deveria ter em si, mas sim a você ser o suficiente e o fato de ter uma companhia ser apenas um “que” a mais.
“Desistir do outro não é fracassar. É ter a consciência de que algumas pessoas simplesmente não valem o seu esforço. Se não há reciprocidade não é amor. É insistência.”
“Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Loucos são os que aguentam desaforo seguido de desaforo para não se verem sós, em suas próprias companhias.”
” O “perfeito” não existe. Porque a “perfeição” é uma variável. Ao amar cada pedacinho do seu ser, você acaba se tornando perfeita para si e, consequentemente, para o mundo”
“Esse é o segredo daquelas mulheres imponentes que andam por aí com o nariz empinado como se nada mais importasse. É que, realmente, não importa. Elas se bastam. E não porque são lindas, altas ou magras. Porque se amam. E o amor-próprio explode como uma supernova, iluminando todos à sua volta.”

Já comecei a ler o segundo livro dela Não se iluda, não e quando terminar venho contar tudo pra vocês. Pra quem gosta de comprar livros e sentir o cheirinho de novo, ou então gosta da magia de segurar/carregar pra todo lugar, pode adquirir ele na saraiva online ou aqui em Tubarão na livraria Nobel no Farol shopping, acredito que não passa de 20 reais o valor. Ou se você tá sem grana, pode escolher os sebos  ou então ler em pdf.

E você, já leu o livro? Qual sua a opinião? Me conte nos comentários! Beijo

Facebook Instagram Twitter Youtube

Continue Reading

2016 VAMOS CONVERSAR?

Acho tão sem noção quando as pessoas chegam no fim de cada ano e começam a reclamar de tudo que passaram nele, teve tanta merda acontecendo, teve tanta decepção, teve tanta lágrima, teve tanta destruição… Mas meu povo, o que é um arco íris lindo sem ter uma gigantesca tempestade antes?

Vou começar por mim, esse ano aconteceu tanta coisa meio pru comigo. Juro pra vocês, umas paradas que eu nunca imaginei, ter canal, o blog crescer, conhecer quem conheci, beijar quem beijei, me decepcionar com quem me decepcionei. Sim, claro, o ano não foi feito de rosas e foi as mil maravilhas, mas do que adianta reclamar? Eu tenho certeza que 2017 vai ter mais muita coisa errada pra acontecer comigo, a gente sempre pula as benditas 7 ondas e espera “por favor, muito amor, muita paz, menos gente falsa, mais dinheiro, mais isso mais aquilo” mas afinal o que é que a gente faz pra que 365 dias tenham tudo isso?

A gente realmente corre atrás da felicidade? a gente realmente se orgulha das pequenas coisas que nos são oferecidas todos os dias? a gente agradece cada oportunidade e agarra elas com unhas e dentes? A gente sorri pra vida mesmo que ela esteja te dando um tapa na cara? 

Vocês me conhecem, sabem que sou a pessoa que mais tenta pensar positivo sempre, acredito que pensamentos positivos atraiam coisas e pessoas positivas pra sua volta, e por fim que te atraiam boas experiências também.

Esse ano eu conheci tanta gente nova, tanta gente nova que veio e está aqui mas que também já deu seu lugar a outras. Conheci gente que já conhecia e que também já partiu e abriu alas pra mais pessoas voltarem ou se aprochegarem de mim. Eu vivi tanta coisa que jamais imaginava, crescer no blog, o canal chegar aonde está, me esforçar em aprender tanta coisa da minha área de paixão, me aventurar no que eu queria fazer, e sabe o que é melhor disso tudo? Não me arrependo.

Portanto sim, eu agradeço por qualquer merda, qualquer lágrima que derramei e qualquer sorriso que esbanjei por ai nesse ano. Como cada um dos outros 18 anos esse foi mais um que aprendi com os erros e acertos, no fim, não descartaria nenhuma das vivências por que elas são necessárias pra construir meu ser interior. Eu espero que 2017 aconteça muito mais coisas, boas, ruins, venha o que tiver de vir que estou de peito aberto ou pra abraçar ou pra transformar em algo bom!

Por que claro né galera, se a vida te der limões põe vodka, gelo, açúcar e faça uma caipira! 

Facebook Instagram Twitter Youtube

Continue Reading

VLOG: DE VOLTA AO FAROL

Vocês lembram que lá no início desse ano eu estive no Farol de Santa Marta e mostrei todas as fotos aqui no blog? Pois bem, dessa vez não satisfeita eu voltei nesse último final de semana, e dessa vez resolvi mostrar tudo em novas fotchênhas e principalmente: a subida até o farol em vídeo.

Não meus amigos, eu nunca tinha subido até o Farol propriamente dito, o último final de semana foi minha primeira vez e posso dizer pra vocês: que vista! Que paz gigantesca eu senti lá em cima, vendo as ondas quebrarem, o vento no rosto e o sol nas costas me torrando.

Mas toda subida valeu não só a pena como a galinha toda. Bom, espero que vocês gostem do vídeo, foi feito com muito carinho e amor, e ainda por cima tem várias fotinhos novas de lá.

Facebook Instagram Twitter Youtube

Continue Reading